Um dos compromissos do portal é apresentar iniciativas transformadoras e capazes de deixar o mercado têxtil, que é um dos maiores poluidores do mundo, um pouco mais verde.

Um dos grandes desafios de quem produz moda no Brasil é encontrar tecidos realmente ecológicos. Os impactos ambientais (e sociais também) percorrem toda a cadeia produtiva têxtil: desde o plantio do algodão até a confecção e descarte da peça. O plantio do algodao por exemplo utiliza uma grande quantidade de pesticidas, inseticidas e fertilizantes que causa contaminação da água, do solo e da fauna no local onde é produzido. O processo de fabricação do jeans consome uma enorme quantidade de água e o jeans é uma das peças mais usadas no mundo!

Buscar processos como o upcycling que transformam resíduos ou materiais descartados da indústria em novos produtos aumentando seu ciclo de vida se tornam cada vez mais necessários. Produzir tecidos e fios a partir desses resíduos ainda é algo relativamente novo no Brasil e acaba sendo um processo pouco explorado principalmente por grandes marcas.

Já falamos nesse texto aqui sobre o que acreditamos ser realmente uma marca preocupada com o mundo em que vivemos ambientalmente e socialmente.


Conheça também:

Por isso a MateriaBrasil faz um trabalho tão inovador e importante.  A empresa atua compartilhando e produzindo conhecimento sobre materiais, processos e tecnologias responsáveis, orientando os clientes a criar de forma mais consciente seus produtos e serviços.

12219373_917814314964895_1835144006010857761_n
No site deles você tem acesso gratuitamente a uma plataforma aberta de fornecedores chamada MATERIOTECA onde é possível encontrar inúmeros tipos de materiais, incluindo têxteis todos socioambientalmente responsáveis. Se você é fornecedor pode se cadastrar na plataforma e além dos tecidos, você encontra cabides ecológicos, tintas, matéria prima para embalagens e materiais para lojas.
Explore a plataforma e espalhe por ai essas iniciativas.